João da Silva
O que é uma RPPN? 
Como elas ajudam a proteger o Cerrado?

Sabemos que proteger ecossistemas é uma tarefa de todos, não só do Estado. O Proprietário Rural tem um papel importante na proteção do cerrado nativo em sua terra, pois, antes de ser um produtor agropecuário, é, incondicionalmente, gestor de recursos naturais. Isso porque o produtor rural depende do clima, dos nutrientes do solo, da polinização, da disponibilidade e qualidade da água, entre tantos outros serviços ecossistêmicos. Então, proteger os ambientes naturais que resguardam esses serviços deve ser um dos objetivos do proprietário rural. Alguns, mais envolvidos e cientes dessas questões, protegem áreas além das suas reservas legais: eles criam Reservas Particulares do Patrimônio Natural, as RPPNs. 
 
Essas Reservas são Unidades de Conservação de Uso Sustentável, em que o proprietário toma a iniciativa de proteger uma determinada área de sua propriedade, aproveitando-a em atividades como turismo, pesquisa, educação e a própria conservação. Essas áreas têm isenção de Imposto de Territorial Rural (ITR) e são chanceladas pelo Estado, sendo prioridades em ações apoiadas pelo Instituto Chico Mendes de Conservação (ICMBio). Além disso, os proprietários têm inúmeras oportunidades de rentabilizar essas áreas com diferentes atividades, que vão desde o turismo ecológico, suporte a pesquisa, gastronomia e o Crédito Rural Ambiental (CRA) - esses e outros pontos serão abordados em outro posts. 

O Cerrado tem mais de 251 RPPNs, somando mais de 170 mil hectares - o que equivale a 24% das RPPNs do País. O Instituto Cerrados investe esforços na criação de Reservas Particulares do Patrimônio Natural (RPPN) e ações de promoção do Uso Sustentável dos Produtos Florestais Não Madeireiros (PFNM) desde de 2009, já tendo criado 7 Reservas no projeto Mosaico de Proteção da Serra dos Pireneus, apoiados pela Associação do Córrego da Barriguda e das Cabeceiras dos Rio das Almas (ACBCR) e patrocinada pela Nature and Culture International (NCI). 

Para conhecer nossos projetos acesse cerrados.org. Você também pode criar a sua Reserva e nós podemos lhe ajudar. Entre em contato por meio do nosso site ou clique aqui.

Deixe seu comentário sobre o que você achou desse artigo.
"Valorizar o cerrado e aqueles que com ele vivem é
a forma mais eficiente de conservá-lo."